10 alimentos que não devem ser congelados

Congelar alimentos é definitivamente um dos métodos mais convenientes para evitar o desperdício de comida e poder ter algo guardado sempre ao nosso alcance. Algumas vezes, por pressa ou por não sabermos o que podemos ou não conservar, acabamos colocando no congelador qualquer tipo de alimento, na esperança de que eles permaneçam frescos e saborosos.

Infelizmente, existem vários alimentos que devemos consumir somente quando frescos e congelá-los iria diminuir o sabor e os valores nutricionais que os caracterizam assim como textura e sabor.


Os alimentos ricos em água, como os vegetais de folhas verdes, uma vez congelados perdem muito do seu sabor original. Isso acontece por causa dos cristais de gelo que os cobrem, e uma vez descongelado, quebram as células das quais são feitos e alteraram a sua composição.

Se está a questionar-se como é possível encontrar nos grandes supermercados qualquer tipo de comida congelada? Isto é possível porque no processo de congelamento industrial, os alimentos estão sujeitos a procedimentos muito diferentes daqueles caseiros. Por esta razão, que você pode comprá-los e degustá-los como se fossem frescos.

Veja, quais são os alimentos que é melhor não congelar

10) Batatas

São ótimas até depois de muito tempo. Então, porque congelar batatas? Este vegetal é um dos mais duráveis que encontramos na natureza, depois de colhido pode suportar até 3 meses se armazenado em um local fresco, seco e a meia luz, porque se for colocado na escuridão germinará. Por este motivo, é melhor não congelar batatas cruas e muito menos cozidas. Porque uma vez descongelada resultará pastosa. Os cristais de gelo deixam as batatas insípidas e removem a típica textura crocante.

9) Saladas e vegetais verdes

Legumes e salada de folhas verdes quando congelados perdem muito do seu sabor e dos seus nutrientes. Quando você decidir comer as verduras congeladas no freezer de casa, você irá encontrar as folhas muito amarelas e moles para serem usadas. O congelamento caseiro tira completamente toda a crocância e o frescor da folhas, típico de uma ótima salada verde. É melhor também evitar armazenar no freezer aipo e pepino, porque acontece o mesmo.

8) Tomates

O mesmo também vale para o saboroso tomate. Na verdade, uma vez removido do congelador e trazido à temperatura ambiente, ele amolece. No entanto, se é absolutamente necessário congelá-lo antes de consumí-lo, seria melhor aquecê-lo com água quente ou até mesmo cozinhá-lo.

7) Chantilly e queijo

É melhor não congelar queijo. O correto seria, conservá-lo a vácuo na geladeira. Desta forma ele não perde o sabor e se conserva mais do que o tempo habitual. Não congele nem o creme chantilly. Se você deseja reutilizá-lo é melhor misturá-lo com comida que deverá ser preparada ou cozida.

6) Frutas

Já que as frutas são muito ricas em água, é muito difícil conseguir preservar as suas características naturais através do congelamento caseiro. De fato, as que contêm mais líquidos, como os melões e as melancias, formariam um cristal de gelo único, arruinando completamente o sabor e a textura.

5) Ovos

Nunca coloque ovos no congelador. Na verdade, o congelamento iria explodir a casca, fazendo sair o líquido de dentro. Já para os ovos cozidos o problema é diferente: uma vez descongelados, a textura fica como se fosse borracha e o gosto insípido.

4) Molhos

Como consequência, os molhos preparados com ovos ressentem os cristais de gelo. As temperaturas baixas arruínam tanto a consistência, quanto o sabor.

3) Leite

Se você é obrigado a congelar o leite, é melhor usá-lo após o cozimento e de preferência misturado com outros alimentos. Porque, trazendo o leite à sua temperatura ambiente ele sofre alterações na sua forma e muda completamente a sua textura.

2) Fritos

São alimentos que devem ser consumidos ainda quentes. Alimentos fritos já perdem a consistência apenas com o ar ambiente, imaginem se forem congelados!

1) Massas e arroz

Certamente já aconteceu de avançar massas ou arroz, e você decidir de congelar para comer em um outro dia. Provavelmente, são alimentos que não perdem tanto a consistência, mas, para deixá-los saborosos outra vez, você terá que adicionar outros ingredientes.