A modelo transsexual Tanya Griffiths diz que não revela o seu passado para os homens: “Não acho que isso relevante”

A modelo Tanya Griffiths, de 26 anos, nasceu um menino e começou a se vestir como uma menina aos 11. Aos 21, fez uma cirurgia definitiva para se transformar em mulher

Após o processo cirúrgico, ela diz que não acha necessário dizer aos parceiros que já foi homem em seu passado:

“Algumas pessoas pensam que eu deveria ser direta e dizer a verdade, mas eu não acho isso necessário”



Tanya diz que esse fato não é relevante:

“Sou uma garota e sempre tive isso em minha mente. A única diferença é que eu não posso gerar filhos”

Sobre o preconceito, ela afirma:

“Para a maioria das pessoas que passam pelo que eu passei, o processo pode ser um trauma, porém eu sempre fui confiante o suficiente para determinar quem eu realmente sou e sempre fui capaz de viver como uma menina desde muito nova. Não enfrentei muitos preconceitos. Sempre fui bem aceita.”

Aos 15 anos, a modelo confirmou através de um exame que possuía 87% de hormônio feminino:



“Apenas confirmei o que eu já sabia. Crescer no corpo errado é difícil, mas eu quero incentivar as pessoas a serem quem realmente são também no exterior “

Tanya era o único filho de seu pai que o acompanhou até mesmo no dia em que ela foi operada para se transformar em uma mulher.

Ela disse:


“No começo ele achou tudo difícil, mas depois acabou aceitando e até me apoiando”