O dono deste restaurante finge ser um sem-abrigo para saber como vai ser tratado pelos funcionários

Infelizmente, a nossa sociedade vive cada vez mais de aparências nos tempos de hoje. Mas a verdade é que toda a gente merece ser tratada com respeito, independentemente do seu extrato social ou aparência. Sabendo disso, um dono de restaurante fingiu ser sem-teto para saber como os funcionários o iriam tratar. Será que ele seria julgado pela sua aparência?

O homem “sem-abrigo” entrou no seu restaurante muito mal vestido e sujo, pronto para realizar a experiência. Ele se certificou que estava absolutamente irreconhecível antes de pôr os pés no estabelecimento. Depois de se sentar na mesa, o dono disfarçado percebeu que a equipe de funcionários não queria atender o seu pedido. Todos fugiam do sem-teto, e ninguém se sentia bem perto dele… exceto a jovem da fotografia.


A funcionária maravilhosa cumprimentou o desabrigado com um sorriso, e tratou-o como qualquer outro cliente, com simpatia e excelência. Depois de comer e pagar, o dono do restaurante que fingiu ser sem-teto deixou uma avultada gorjeta de 100 dólares à sua empregada.

Essa é a prova de que devemos sempre tratar todos com respeito. A jovem não sabia quem ele era, e o tratou como qualquer outro cliente… e isso fez com que ela fosse recompensada! É triste saber que só ela teve essa maravilhosa atitude.

Compartilhe se também acha que é hora de acabarmos com os preconceitos de uma vez por todas!