Conheça os benefícios do melão para a sua saúde

(Última atualização em: 26 Agosto, 2020)

O melão tem muitos benefícios para a nossa saúde mas poucas pessoas o consomem por ele ser docinho e terem medo que engorde.

Isso não é bem assim. Como qualquer fruto, se comido em demasia contribui para engordar mas é difícil comer em demasia porque o melão é indigesto e pesado.

Benefícios do melão

Ajuda na hidratação. Trata-se de um fruto rico em água e é otimo para aquelas pessoas que se esquecem de beber água ao longo do dia.

Mantém a saúde da pele e cabelo. Por ser rico em vitaminas A e C, contribui para o crescimento do cabelo e rejuvenescimento das unhas.

Melhora o transito intestinal. Rico em fibras e água ajuda ao transito intestinal.

Ajuda a controlar a pressão arterial devido aos altos niveis de potássio.

Retarda o envelhecimento. A grande quantidade de vitaminas e anti-oxidantes ajudam a manter-se jovem!

Fortalece o sistema imunitário.

Ele é muito alcalinizante. Isso significa que vai ajudar as células das pessoas que comem de maneira pouco saudável (com muito conservante e fritura) a limpar o organismo desse PH ácido, a fim de iniciar uma nova rotina de alimentação. Isto é especialmente importante se a sua dieta tem poucos alimentos alcalinos.

Facilita absorção de ferro dos alimentos de origem vegetal.

Regula a menstruação, circulação e coagulação sanguínea: O melão é um dos frutos que ajuda a regular a menstruação, pois melhora a circulação do sangue e seus nutrientes têm propriedades anticoagulantes

Alguns cuidados a ter com o melão

Um melão docinho parece só trazer benefícios para o corpo, já que tem muita água em sua composição. De fato, ele tem um alto poder hidratante. Contudo, não é essa maravilha toda: ele pode realmente engordar, aumentar os níveis de insulina no sangue, piorando a diabetes.

Quem afirma é a nutricionista Flávia Cyfer. “Ele é digerido muito rápido e isso faz com que a glicose entre muito rápido no sangue, gerando um pico de glicemia. 

Por esse motivo deve ser evitado na sobremesa. Opte por comê-lo como lanche.

Contraindicações

Não há nenhuma contraindicação de consumo, porém, como é sabedoria popular, com melão vinho bom. Evite beber água depois de comer melão pois pode paralisar a digestão.

Dicas de consumo


Nunca na sobremesa – Como ele é digerido muito rápido, se for consumido após a refeição, a comida que tem digestão mais lenta vai deixá-lo preso no estômago. Nessa condição, ele pode fermentar e gerar gases. Sempre coma o melão sozinho.

É por isso que ele tem fama de ser indigesto!

Use Óleo de coco ou castanha – Para resolver o problema de chegar ao sangue muito rápido, a nutricionista indica colocar uma colher de óleo de coco em cima ou comer com duas castanhas junto, para não ter pico de glicemia.

Opte pelo mais verde – Quanto mais maduro, mais doce, mais glicose. Se estiver mais verde, vai ter menos glicose. Claro que se for demasiado verde não sabe tão bem mas tente fugir do mais maduro.

Informação nutricional do melão

O melão tem os seguintes valores nutricionais (valores de referência para 100g)

benefícios do melão - valores nutricionais

Como escolher um bom melão

Para realizar a escolha no momento da compra, é preciso observar a cor da casca, e dar um pequeno aperto na parte inferior do melão, do lado oposto à haste. Se ele ceder um pouco, significa que está no ponto. Se a casca está pegajosa, com manchas úmidas e pouco consistente, o melão já está demasiado maduro.

As melhores colheitas de melão ocorrem a partir do fim da primavera e arranja-se bom melão por todo o verão.

Tipos de melão

Os tipos mais comuns são o melão amarelo ou “melão comum”, o de cantalupe, o da gália e Honey Dew, também conhecido como pingo de mel. O meu preferido é o de cantalupe mas eles só divergem no tamanho, côr e no sabor, em termos nutricionais e de recomendações são todos identicos.