Este jardim selado dentro de uma garrafa não foi regado há mais de 40 anos

Em 1960, David Latimer colocou um pouco de terra e um semente dentro de uma enorme garrafa de vidro apenas para ver o que aconteceria.

Bem…é assim que a garrafa está hoje em dia!


[adinserter block=”8″]
Latimer primeiro encheu a garrafa com composto de terra e após isso colocou uma semente spiderworts (Em português conhecida como Tradescantia, um género botânico pertencente à família Commelinaceae) nesse mesmo composto com a ajuda de um fio. Depois de empacotá-lo e regá-lo, tapou a garrafa e pousou num canto onde apanhasse bastante sol.

O que é realmente surpreendente é que, apesar da planta não estar em contato com o ar, a garrafa possui um próprio ecossistema.

Tudo funciona através da fotossíntese. Matéria que pode recordar dos seus tempos em que andava na escola ou até mesmo com aquele episódio de “Sponge Bob” 😀 😀


[adinserter block=”8″]
O oxigénio e a humidade acumulam-se na garrafa de vidro e é como se a planta recebesse a “chuva” de que necessita. É como uma versão em miniatura do planeta Terra, o que é algo incrível!

A parte mais louca de todas esta história é que, a última vez que Latimer regou a planta foi em 1972!

Ele não tinha ideia de que a planta fosse crescer tanto assim. Aos 80 anos de idade, está inteiramente orgulhoso da sua criação, pois até porque passou a garrafa para os seus filhos crescidos.

Espero que eles nem sequer pensar em desistir dela!

E, se quiser tentar algo parecido, veja aqui o tutorial abaixo! 😀

[adinserter block=”8″]