Quanto você receberia se vendesse os seus órgãos no mercado negro

(Última atualização em: 1 Setembro, 2017)

A venda de órgãos é ilegal em todos os países, exceto o Irã. É complicado estimar o tamanho do mercado negro de órgãos, mas alguns ricos estão dispostos a pagar quantias absurdas para não ter que esperar em filas de transplantes.
[adinserter block=”1″]
Os traficantes de órgãos atuam de modos diferentes: as vítimas podem ser sequestradas e forçadas a doar um órgão. Outras, por precisar de dinheiro, podem ceder voluntariamente um órgão. Outras são enganadas por “médicos” que precisam de uma operação cirúrgica e seu órgão é removido sem o conhecimento. Outras vítimas podem ser inclusive assassinadas. A maioria dos órgãos, no entanto, tem origem nos cadáveres enviados a funerárias. Geralmente, um funcionário local é pago para retirar as partes do corpo que vão ser vendidas sem o consentimento da família — quando a pessoa é cremada, não é raro que a maior parte das cinzas entregues não pertençam ao falecido.

Estudos indicam que o comércio ilegal de órgãos está crescendo, com um relatório recente da Global Financial Integrity estimando que o comércio ilegal gere lucros entre $600 milhões e $1.2 bilhão por ano.( um dólar é pouco menos que 1 euro)

O site Medical Transcription criou uma lista de órgãos e seus valores estimados no mercado negro. Confira:
[adinserter block=”11″]

Convertendo para reais (na cotação atual de R$ 3,26), temos os seguintes valores:
[adinserter block=”10″]
Par de olhos – R$ 1.711
Escalpo –R$ 1.978
Caveira com dentes – R$ 3.912
Ombros – R$ 500;
Artéria coronária – R$ 1.630;
Coração – R$ 387.940
Fígado – R$ 511.000
Mão e antebraço – R$ 1.255
Litro de sangue – R$ 1.098
Baço – R$ 1.656
Estômago – R$ 1.656
Intestino delgado – R$ 8.211
Rim – R$ 854.000
Vesícula biliar – R$ 3.973
Pele – R$ 32 por polegada quadrada.